domingo, 30 de outubro de 2011

Doces Chefs: Panquecas da Sogrinha Yara

Claro que minha segunda postagem seria uma homenagem à minha sogra, que me ensinou muitos pratos que meu marido gostava e que ela havia aprendido ao longo do tempo, misturando herança carioca, mineira (nasceu em Minas, mas morou quase toda a vida no Rio de Janeiro), paulista e italiana (família de meu sogro). Valeu, sogrinha!

 

 


No caso das panquecas, usando a panela certa para isso, ficou muito mais fácil e mais fininha, mas fazia mesmo era na frigideira, no início. 

Ela me ensinou com o recheio de carne moída, mas depois variei bastante e fiz até doce também, mas a tradicional acaba sendo a mais pedida. Na doce, há uma variação na massa, claro. É tirar o sal e pôr o açúcar na medida de seu gosto. Nesse caso, pode ser de chocolate, Romeu e Julieta, banana e canela, etc....


Minha filha, no entanto, gosta das vegetarianas; principalmente a de ricota com espinafre com molho branco (mas já fiz dela com molho vermelho para aproveitar o molho que eu tinha feito para o outro tipo: a de carne).



 

Ingredientes: 2 ovos, 1 e 1/2 copo (requeijão) de leite, 2 copos (requeijão) de farinha de trigo, 1 cubo de caldo...carne/frango/legumes/camarão, etc....., 1 dente de alho, 1/ cebola pequena e sal à gosto.
 
 
 

Modo de Fazer: bata tudo no liquidificador e ponha a massa numa vasilha. Mergulhe, nessa vasilha, o fundo da panela própria para panquecas, virando a panela na boca do fogão para a panqueca ir soltando dela pelo outro lado. Se não tiver, use concha para pegar a massa e ponha na frigideira aos poucos. Use sempre material antiaderente. Depois de todas as massinhas prontas, ponha o recheio e enrole-as, distribuindo-as na vasilha. Depois ponha o molho que melhor combine com seu recheio. Bom Apetite! 

 

 
 
 
 


 

D. Yara, obrigada pelas dicas que me deu nesses anos, principalmente nos 10 primeiros anos de casamento. Minha mãe e a senhora foram minhas primeiras mestras quituteiras. Lembro que há uns 10 anos, com uma pequena adaptação no recheio, ganhei, graças à sua receita de rocambole de batata(com molho de tomate), um concurso da revista Cláudia. Fui presenteada com todo um conjunto de panelas e assadeiras e guardo essa revista até hoje. OBRIGADA, mais uma vez! Depois, claro, se a gente gosta de gastronomia, a tendência é buscar sempre mais. Hoje, com este blog, posso homenagear e agradecer a quem me deu carinho até hoje.

Um grande abraço e votos de felicidade!

Beijinhos da Sil!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário